Google planeja sistema de micropagamento para sites de jornais

Considerado um dos causadores da crise que afeta os jornais impressos dos Estados Unidos, o Google propôs a criação de um sistema de micropagamentos para os sites jornalísticos que pode se tornar a salvação do setor.
“Google acredita que a Internet aberta beneficia tanto os usuários como os veículos. Entretanto, ‘aberta’ não significa grátis”, diz o documento encaminhado pela empresa para a Associação Americana de Jornais (NAA, sigla em inglês).
De acordo com o Google, a cobrança pelo acesso a informações jornalísticas na Internet possui dois grandes desafios: o conteúdo deve oferecer valor para os leitores e o sistema de cobrança deve ser “indolor” para os usuários. De acordo com a empresa, dois formatos de cobrança podem ser instituídos. Um deles seria a assinatura por um determinado período, que já funciona em alguns veículos. O outro seria o de micropagamento, que cobra do leitor um pequeno valor por cada artigo.
O Google propõe que o sistema de micropagamento pelo conteúdo jornalístico seja parecido com o implantado pela Apple para a venda de músicas pelo iTunes. O software seria gratuito e a empresa receberia um percentual sobre cada venda.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s