8 dicas ao cobrir eventos usando redes sociais

Apenas participar de eventos não é mais interessante para uma geração que gera – muito – conteúdo. Com encontros surgindo a todo instante e contando com a presença de profissionais reconhecidos e gabaritados, é quase que irresistível não se aventurar tentando fazer a cobertura do evento, seja através do Twitter, do Facebook, Instagram ou com a utilização de blogs. Pensando nisso, elaboramos algumas dicas que podem lhe ajudar bastante nessa tarefa.

1. Planeje o antes, durante e depois

O básico você deve fazer muito antes da data do evento, como levantar e estudar toda a programação, definir quais são os principais temas e que valem a cobertura do seu canal, quais os profissionais que você pretende abordar após as palestras e quais perguntas tirar da manga caso preciso de um plano B. Além desses pontos, é importante já estudar qual rede social irá usar, como irá usar e quais os recursos necessários para a cobertura do evento: notebook, smartphone, papel e caneta, gravador, câmera digital, 3G, adaptadores para tomadas e até mesmo quantos membros irão compor a equipe também é essencial no levantamento inicial.

2. Programe-se

Chegar com antecedência e avisar seu público antecipadamente sobre a cobertura demostra que além de organizado, você se programou para o evento (dica número 1). Confira todo o local antes da palestra, fazendo uma espécie de mapeamento mental. É interessante ter em mente onde estão os melhores lugares para se posicionar ao tirar umA foto, onde você irá se sentar, quais os lugares que possuem tomadas (artifício indispensável), como se dá o acesso ao palco, aos palestrantes, onde os palestrantes convidados irão se sentar e até mesmo onde ficam os banheiros, pois se perder durante o evento é a única coisa que você não quer.

3. Divulgue o evento

Hoje em dia todo evento tem uma hashtag, por isso não se esqueça de utilizá-la. Além de contextualizar seu leitor, trará a atenção de pessoas que estejam monitorando o evento. Jamais se esqueça de mencionar o nome do evento, assim como os principais temas que serão debatidos, os principais palestrantes e o site do encontro. Também é interessante situar o leitor a cada novo passo, como a entrada de um mediador inesperado ou o horário do coffee break, o que facilita a vida do leitor na hora de acompanhar e esperar por novas atualizações.

4. Mantenha um padrão nas publicações

Sempre que possível, twitte a frase em questão seguida do perfil do palestrante e a hashtag do evento (nononono nonono @midia8 #eventoxyz), pois além de dar autoria à frase, faz com que o seu seguidor se mantenha contextualizado quanto ao conteúdo, além de divulgar sua cobertura para todos aqueles que estão acompanhando a hashtag do encontro. E vale destacar que a cobertura deve seguir um padrão, ou seja, procure postar conteúdos específicos em cada rede social que for utilizar, evitando conteúdo duplicado em dezenas de canais.

5. Publique com responsabilidade

Evite twittar ou postar frases de efeito que fora do contexto não têm sentido. Prefira conceitos que possam ser resumidos em poucas palavras ou que sigam uma linha de raciocínio ou, ainda, poste o link sobre o assunto. Saiba que mesmo que o tema não seja polêmico, provavelmente algum usuário xiita irá discordar de você, podendo até mesmo chegar ao nível de ofendê-lo por não estar de acordo com sua publicação. Por isso publicar uma frase seguida do perfil do palestrante evita que o seu nome seja queimado em vão. 

6. Networking

Você foi ao evento para fazer a cobertura das palestras, mas jamais se esqueça de que esta é uma oportunidade ímpar de fortalecer seu networking, ou seja, estreitar laços com profissionais influentes da área, trocar cartões de visita (jamais esqueça de levar o seu) e conhecer novas pessoas que tendem a solidificar sua presença nesse determinado segmento de atuação. Além de marcar território, a política da boa vizinhança faz com que você seja notado com mais facilidade e, consequentemente, notem o seu veículo de forma mais natural.

7. Pós evento

Tão importante quando cobrir o evento é dar continuidade às publicações. Compile os tweets mais importantes em seu blog, publique posts relacionados com o evento e insira fotos na fan page do Facebook. Além de ser uma boa forma de atualizar e abastecer de conteúdo quem não esteve presente, mostra seu foco em determinado assunto ou segmento e lhe ajuda bastante a conseguir relevância, seguidores, RT. Porém não esqueça: bom senso é fundamental.

8. Analise todos os pontos, fortes e fracos

Após a cobertura do evento é possível tirar muitos pontos e lições valiosos para a próxima tarefa. Procure rever todas as suas ações e separe em uma lista os itens positivos e os negativos. Nos positivos, onde você pode melhorar ainda mais, sendo mais eficiente com menos recursos e em menos tempo? Já nos pontos negativos, procure observar como você pode consertar as falhas de modo que elas não voltem a acontecer (desejável) ou que sejam menores na próxima cobertura (minimamente aceitável).

Artigo original de Elizabeth Cunha, coordenadora de marketing, reescrito e editado por Cleyton Carlos Torres.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s